Crea sito

Você também acredita que a felicidade não existe?

Não temos o perfil deste canal. Caso você tenha maiores informações sobre o perfil deste Canal e queira nos fornecer, será um prazer colocarmos em nosso banco de dados.

Mensagem de 2 de Novembro de 2017

Vocês nascem livres e conectados com o Universo, conectados com a abundância e a diversidade. Mas esquecem de tudo isso, esquecem principalmente que são livres.

Depois de serem pasteurizados na escola e na família, aderem ao padrão de infelicidade estabelecido.

Muitos de vocês chegam a pensar que a felicidade não existe, que é apenas coisa de novela.

Seu mundo é governado por um pequeno grupo de famílias, que lucram com a infelicidade, com o caos e com as guerras. É um governo milenar que se iniciou com o Império Romano, continuou com a criação da Igreja e perpetuou-se se infiltrando pelo mundo financeiro.

O poder é mantido pela pasteurização das mentes, fazendo-os acreditar que a felicidade não existe, combatendo a espiritualidade e definindo seus padrões de pensamento.

O pensamento é moldado pela criação de falsos conceitos básicos que determinam seu modo de vida.

Vejam por exemplo, o trabalho maravilhoso da natureza, que cria milhões de espécies de flores e cobre a paisagem com a diversidade de cores e padrões. Notem que a beleza é fundamentada na diversidade e na abundância. Entretanto suas mentes pasteurizadas procuram sempre a monotonia das cores e padrões, a escassez. Quando vocês saem para comprar louças, por exemplo, compram um jogo de xícaras e pratos. Sim, um jogo, tudo igual ! Este é o conceito que foi impresso em suas mentes: a normalidade – tudo precisa ser igual, monótono.

Este é o padrão cerebral imposto: TUDO IGUAL !
Tudo que fugir a esta regra é feio, é perigoso.

Vocês precisam seguir sempre o mesmo caminho a cada dia, sentar sempre nos mesmos lugares, ir aos mesmos lugares,  procurar coisas iguais, procurar pessoas iguais, pensar sempre igual. Sim, pensar igual !!! Ser um robô, uma marionete, uma ovelhinha do rebanho.

As pessoas diferentes, felizes, passam a ser ridicularizadas, devem ser loucas ! “Não é possível ser feliz, deve estar fingindo, deve ter muitos problemas …”.

Neste processo, os poucos que tentam ser diferentes precisam enfrentar a reação de todos à sua volta. Os “diferentes” perdem amigos, são hostilizados pela família. É a reação do sistema, que foi ardilosamente construído para não precisar de grades. Cada um é a grade do outro !

Desperte, acredite que você pode ser feliz, não tenha medo, há muitos como você, e quando você mudar seu padrão vai encontra-los.

Lembre que o que você perder nunca foi seu, e o que você ganhar será verdadeiro.

Permita-se viver uma grande aventura, seja você mesmo, e não o que querem que você seja.

Aproveite o “dia dos Mortos” e comece a viver !

Fonte: Prama Shanti

Categorias:Ensinamentos