Riqueza de conhecimentos

Conheça o lindo trabalhos que realizamos juntos aos Seres de Luz que foram criados para lhe ajudar na caminhada do teu despertar.

É um trabalho cheio de Luz e amor, que nós e os Seres de Luz trazemos para você!

Acesse abaixo a categoria, clique na pergunta desejada, e você vai ser redirecionado para o vídeo

Como controlar a compulsão alimentar?

Poderiam explicar sobre as vitaminas e suplementação? Nós precisamos suplementar? Poderiam também explicar sobre a vitamina B12, que dizem só existe na carne?

Quais os alimentos que ajudam a melhor a nossa comunicação com os planos superiores (alem de reduzir o consumo de carnes)?

Gostaria de saber se hoje em dia é possível viver de luz, e se vocês têm alguma dica para nós em como ingressar para esse tipo de experiência?

O corpo consegue sobreviver sem o alimento? Mas e os minerais e vitaminas essenciais a ele? Como seria produzido? Nosso corpo tem esta capacidade também? E muitos dizem que não…

Comer alimentos com glúten inflama as células, segundo alguns médicos. E porque todo o alimento é divino mas nos engorda e faz mal?

Qual o sentimento e crença que está por detrás da obesidade e compulsão alimentar? Como sair dela?

Profissionais da saúde dizem que determinados alimentos são cancerígenas, e outros queprejudicam de outra forma, assim como tem o caso dos alimentos veganos e vegetarianos.Realmente, essa questão em comer o que é vegetal, animal ou orgânico, ou industrializado, afecta nossa vida e as actividades que desempenhamos?

Minha filha de 7 anos está manifestando intolerância a um alimento (à 1 ano). Se ela escolheu vivenciar essa experiênca em seu plano de alma, como trabalhar a cura?

Porque é que muitas pessoas sentem muitas dificuldade deixar de comer carne, e deixar de beber leite (no meu caso falo)?

Eu e meu esposo não comemos carne vermelha há uns dois anos. E agora em 2016, decidimos pararde comer peixe. Descobrimos recentemente que é possivel viver de prana. Mas para isso seria preciso passar um processo de 21 dias sem comer e beber. Por isso gostaria de saber se com as novas energias do planeta, isso possa acontecer bastando a pessoa ter a intenção de viver de prana.Ou se o processo de 21 dias é realmente necessário?

Gostaria de saber a diferença entre incorporação e canalização.

O passar na casa espírita é de incrível ajuda energética para mim. Gostaria de ser mais autosuficiente. Como atingir o mesmo bem-estar por conta própria?

Porque nos centros espíritas, quando incorporam espíritos, eles têm que beber bebida alcoólica, e eles conseguem mesmo assim ajudar a gente?

Tenho a mediunidade aflorada. Eu devo exercer a mesma como uma missão, ou viver a vida “normalmente” e não me preocupar com os objectivos disso entendendo como um dom natural?

Quando o médium de incorporação não quer mais continuar o trabalho sente-se triste e desanimado. Quais são as consequências?

Quando pensamos ou chamamos um ser de luz, ele imediatamente se liga a nós? Ou seja, ele recebe esse pedido/pensamento imediatamente? Não há possibilidade de interferência?

Como vai parecer o evento/egrégora dos trabalhadores da luz na parte etérica?

A passagem (morte) pode ser considerado uma viagem. Gostaria de falar com alguém que já viajou. Como eu faço isso?

É possível ter um relacionamento harmonioso entre um ser de terceira dimensão e um ser na quinta dimensão?

A entidade Abraham, canalizada pela Luciana, é a mesma canalizada por Esther Hicks?

Qual é o jeito mais fácil para acabar com as dores físicas gerada pelos (espíritos) obsessores?

Se um ser em evolução recebe uma faculdade mediúnica em uma existência, e a perde na existência seguinte por mau uso na anterior, existe alguma chance de recuperá-la?

Tenho mediunidade, e minha energia muda de acordo com o ambiente ou pessoas. Como posso controlar minha vibração, e mantê-la sempre em alta, se sou sensível ao ambiente? O que fazer quando estou alegre e feliz, e inesperadamente minha energia cai, e fico me sentindo pesado?

Poderiam falar sobre com o que acontece com o espírito no caso de cremação e doação de órgãos?

Quem são os orixás do candomblé?

Tenho mediunidade, e minha energia muda de acordo com ambiente ou pessoas. Como possocontrolar minha vibração, e mante-la sempre alta, se sou sensivel ao ambiente. O que fazer quando estou alegre e feliz, e inexperadamente minha energia cai e fico me sentindo pesado?

Como equilibrar a mediunidade descontrolada que acaba por atrapalhar a vida ao invez de ajudar?

Por favor me digam o que quer dizer “alguém está puxando o meu cordão de prata aqui nesta vida,ou seja encarnado”? Foi a informação que recebi de um centro espirita, numa sessão de regressão de vidas. E como posso me livrar dessa situação?

A colónia “Nosso Lar” (questão do espiritismo) então é uma projecção mental do próprio André Luiz,ou existe naquela forma independente do pensamento dele?

Sinto que devo seguir pelo caminho da mediunidade. Porem venho de uma familia envangélica, e ainda dependo muito deles, então não consigo seguir esse caminho por enquanto. Eu gostaria de saber se com a meditação eu consigo pelo menos adiar um pouco esse chamado, pois eu já estou sentindo um certo desconforto no meu chakra cardiaco, e temo que ela já possa estar girando no sentido contrário pelo não uso da minha mediunidade.

Como os Abraham classificariam a diferença do trabalho de Allan Kardec e o trabalho dos espiritos de luz?

Minha pergunta é em relação ao “passe” que recebemos no centro espirita. De como recebemos este passe para a cura interior, e qual é a real finalidade?

Faço trabalho voluntário numa casa espirita, mas não sinto que a energia está-me preenchedo. Às vezes sinto até que sou sugado energéticamente. Como posso ajudar com a energia que tenho, sem precisar frequentar esse local?

Gostaria que falassem sobre se existe um conclave estelar marcado para 2019, que de acordo com Chico Xavier, para decidir o futuro da humanidade?

Tenho um colega de sala que faz parte do candomblé e sempre tenho desconforto físico quando estou perto dele. O que posso fazer em relação a isso, sem ter que me afastar dele?

Gostaria de saber se os médiuns realmente conseguem ver o que virá em nossas vidas (como por exemplo, em uma leitura de cartas)?

Fico intrigada porque espíritos que já desencarnaram há mais de um ano, como vem-se comunicar através de um médium (mensagem psicografada), se comportam com as mesmas caracteristicas da vida terrena. Afinal, existe uma dimensão paralela idêntica à estrutura familiar da Terra? Espiritos precisam a aprender a escrever? Não se comunicam telepaticamente?

Gostaria de saber o motivo pelo qual tenho relutância de aceitar a minha sensibilidade em sentir e conectar-me com a vida de outras dimensões. Sou trabalhadora no centro espirita, mas quando acontece comigo alguma manifestação não aceito, mas depois acho que é projecção da minha cabeça. Gostaria muito de saber como trabalhar essa aceitação.

Qual a finalidade das crenças limitantes? Para que elas servem?

É uma crença, que nós mulheres, por algum período passamos por oscilações emocionais (a TPM=tensão pré-menstrual)? Às vezes, parecemos andar numa montanha russa de sentimentos.

Não consigo ter perseverança em decisões tomadas. Sempre me saboto. Como posso mudar isso?

Qual a crença que está por detrás do facto de quando vendemos um produto e a pessoa fica enrolando e não paga?

A limitação é mais uma vontade do que uma necessidade?

Vivemos numa sociedade em que crenças exercem total influencia em nossas escolhas. É possível promover uma liberação colectiva através de mobilização pacifica?

Qual a diferença entre carma e crença limitante?

Quando somos roubados em dinheiro ou namorado, ou seja quando nos fazem algum mal, que devemos fazer? Aceitar? Aceitar ser maltratada, não sei como lidar com isso…

Qual a melhor forma de enxergar a ” verdade “, e daí poder escolher o melhor caminho?

Tem uma coisa que eu não entendo. É a questão de acção através de não acção. Poderiam-me explicar o que significa?

Os arquétipos têm uma frequência própria ou individual representação para cada pessoa de acordo com suas crenças?

Vejo muitos ditos “despertos” que nutrem ódio a aqueles que a media os ensinou a odiar, e não se dão conta disso. Esse “despertar” é apenas mais uma “modinha” para uns?

Minha pergunta é sobre somatização. Me ensinaram que todo o conhecimento espiritual que temos deve ser passado adiante, caso contrário somatizamos e seremos cobrados. É verdade?

E quando a mudança nos parece fácil (porque todos dizem que será difícil, sofrido, dramático), mas o caminho segue fácil e tranquilo, então, não é o caminho certo?

Como perceber a diferença entre uma situação que devemos aceitar, e uma que queremos e podemos mudar?

Preciso saber sobre o que os gurus e escritores famosos dizem que somos “Deus” e temos o poder de modificar um estado de doença em saúde, é verdade somos realmente “Deus”?

Como deixar o vitimismo (mágoas, ódios, rancor, vingança do passado)?

Nossos animais, e todos os animais da Terra, serão humanos um dia? É esse o caminho que nós mesmos passamos na evolução? Já fomos animais ou plantas?

Quando uma pessoa pede dinheiro na rua, digo a seguinte mentira: “Não tenho dinheiro”. Estou prejudicando meu vortex da prosperidade? Como agir nesses casos?

Como trabalhar e remover a crença de “não merecimento”? O sentimento de não merecimento está aparecendo como crença sempre que faço alguma terapia holística.

Porque temos dificuldades em aceitar ao receber? Que podemos fazer para mudar essa crença?

Poderiam falar sobre sair da zona do conforto? Quando permanecemos nos mesmos hábitos, é algum tipo de medo?

Desde pequena oiço o meu pai dizer que o dinheiro é difícil, que é pobre, que tudo o que tem lutou muito muito para ter. Nossas crenças iniciam na família. O que fazer uma vez que não é possível se distanciar?

Poderiam falar sobre a “carne fraca”?

Eu tenho 46 anos e sinto um reflexo da minha infância na minha vida até hoje. Tenho dificuldade de amar, e ser amada. Como posso mudar isso, e ser feliz?

Toda vez que tenho uma auto-estima elevada caio na arrogância. O que fazer?

Como faço, qual o exercício para sair da auto-sabotagem?

Como superar a auto-sabotagem?

Como tirar o peso de mim sem saber que peso é esse?

Como saber se um ciclo está terminando, ou se é apenas uma crise?

Já entendi que viemos aqui para sermos felizes. Porque é tão dificil sentir internamente em sua plenitude essa felicidade?

Como curar a auto-sabotagem?

Como viver uma vida onde você coloca o pé, e tem certeza que Deus te dará o chão? Como é viver a certeza sem dúvidar, sem fraquejar, apenas confiando?

No Brasil, hoje é dia da consciência negra. Abraham, o que significa o racismo?

Esse raciocínio entre “o que queremos e o que acreditamos” nos dá a impressão de estarmos nos iludindo, e não criando. Como mudar esse paradigma?

Apesar de ter-me casado, e divorciado, não tive filhos. O facto de eu não querer ter ou ter tido filhos denota uma intenção de desejo inconsciente de não ter laços que me prenda a essa vida/dimensão? Poderiam-me explicar?

Como devemos agir para dissolver as crenças limitantes com mais rapidez?

Como lidar com a crença limitante de que temos que trabalhar?

O que fazer quando a pessoa não sabe o que quer, não tem sonhos e metas, e por isso não consegue sair de onde está e nenhuma ferramenta ou conhecimento a ajuda a se encontrar?

Como eliminar as crenças limitantes que nos impede de alavancar nossa liberdade financeira?

Como eliminar a crença limitadora de que “se eu der algo que tenho, aquilo vai diminuir”?

Muitas vezes eu me sinto uma pessoa errada, no sentido de viver. Eu quero muitas coisas para a minha vida, e eu quero que essas coisas se concretizem. Mas as pessoas não acreditam que eu possa chegar naquele lugar, e isso me desanima. Porquê?

Gostaria que falassem sobre uma frase muito usada por nós que é “Digo com quem andas, e direi quem és”.

Tenho visto muitos vídeos de “salto quântico”. Todos pedem para abandonarmos crenças limitantes,orações, santos, anjos inclusivé “Deus”. Pois na realidade nada existe, e que o Deus a quem oramos é na realidade o “escuro” ele mesmo. Isso piorou minha cabeça. Não sou religiosa, mas tenho algumas crenças sim.

Porque algumas pessoas têm tanta dificuldade de dizer “não”, e muitas vezes até assumem problemas alheios chegando até a se prejudicar?

Como evitar a idealização das pessoas em ter uma visão mais realista das mesmas (mas muitas vezes em idealizar acabamos nos decepcionando)?

Eu sou uma pessoa que tem uma vida que escolhi. Sempre tive todos os recursos, condições e liberdade para viver em paz. Nasci numa familia espiritualisada, e sou uma trabalhadora da luz desde a infância. Porque me sinto tão desconfortavel nesta vida?

Minha amada mãezinha desencarnou devido ao câncer ontem. Foi velada e enterrada ontem. Qual o processo que ela terá a partir de agora? O que posso fazer para ajudar?

Porque ao encarnar e desencarnar no nosso planeta – a vida (ou o nascimento) e a morte (ou a passagem) – tem que ser com dores? Existe em algum planeta que é diferente?

Os desencarnados podem fazer “ataques” a pessoas mais sensíveis espiritualmente? Se sim, como se proteger?

Eu acho difícil entender porque alguém iria querer experienciar esquecer quem é (ou está separado) (da Consciência Suprema após a encarnação). Porque alguém iria querer isto?

Não seria mais fácil lembrar tudo do passado quando nascemos? Adão e Eva foi real?

Uma pessoa que comete suicídio será penalizada e sofrerá no plano espiritual, ou depende de cada ser e sua evolução?

O corpo energético, mental e emocional que usamos nesta vida é o mesmo que usamos em outras?

Gostaria de saber como se dá o acoplamento da alma que irá encarnar junto a sua mãe?

Todos os livros espíritas falam que quem pratica o suicídio vai para o vale das sombras. Que ninguém deve tirar sua própria vida. Então os escritores têm crenças limitantes?

Qual o intuito de reencarnar muitas vidas (já que devido às tendências e vícios de emoções negativas, só aumentam o carma)?

Então quando eu desencarnar vou encontrar minha mãe, meu pai, e vocês Abraham? Porque é isso que eu quero.

Como funciona o processo de re-incarnação de uma alma no planeta Terra? Porque às vezes sinto muita tristeza de estar aqui, e vejo que aqui não é meu lugar.

Vocês poderiam nos explicar o conceito de caridade em um sentido mais amplo?

Por favor expanda a explicação da limpeza carmica?

Gostaria que descrevessem a expressão “plenitude do ser”?

Poderia falar um pouco sobre o que é a memoria ancestral?

Fui ensinado desde cedo a ser muito lógico e racional. Tenho dificuldade em sentir. Como faço para aumentar a capacidade e sensibilidade de sentir?

Porque tem dia que a gente fica com uma paz, uma alegria, uma compaixão por todos, uma alegria imensa, e depois isso passa? Como manter sempre desse jeito?

A vida passa tão rápido. Como aproveitar-la para não se arrepender no futuro? Tenho medo de estar perdendo tempo. Gosto de dormir; é perder tempo?

Na minha infância e adolescência criei muitos vortices negativos que estão influenciando a minha vida adulta. Como minar esses vortices e sair dessa influência?

Gostaria muito que me falasse alguma coisa para que eu acreditasse, tivesse fé. Estou desesperada e muito sozinha (Hoje essa pergunta, de forma diferente, apareceu três ou quatro vezes, sobre fé,amor e felicidade).

Qual a diferença entre compaixão e caridade?

Eu posso a partir desta vida, decidir onde quero viver minha próxima experiência, na minha próxima vida (em outro mundo, galáxia)? Posso decidir onde, o quê e como vou ser?

Mestre Rumi, no seu lindo poema “A casa de hospedes” você diz no final “Agradeça quem vem, porque cada um foi enviado como um guardião do além”. Pode falar sobre o poema e esse final?

Qual é a melhor forma de se combater a ansiedade?

Como não confundir a aceitação com conformidade ou desistência? (Porque percebo que ainda na prática me pergunto se estou aprendendo a aceitar ou se ainda estou na ilusão)

Como saber se onde estou hoje é zona de conforto, ou é realmente o que o espírito deseja naquele momento?

Como agir para bloquear a procrastinação? Sinto como se uma força contrária que me puxasse para baixo, e não consigo entrar no fluxo da acção.

Como aumentar o vortex para então estar como “director da peça” (falado no tópico falado na abertura)?

Gostaria de saber exactamente o que significa frequência ou vibração?

Como explicar as frequências que vocês Abraham tanto dizem que são criadas por nossas emoções?

Qual é o objectivo da musica clássica? E porquê, nos dias actuais, não aparece/reincarnam mais compositores como Beethoven, Mozart e Bach?

Vocês podiam explicar mais detalhadamente sobre o que são os arquétipos?

Qual a vossa visão sobre os jogos de sorte e casinos, etc?

Sobre o tempo, ele é um aliado ou um inimigo?

Com a sintonia dos bailes de carnaval, em que as pessoas geralmente se entregam a bebidas e excessos em geral, baixam as vibrações?

O Brasil tem carma? Porque o nosso País e o seu povo está vivendo um tempo tão dificil? Estamos sem esperança de dias melhores?

Como saberei se obsessores me estão acompanhando? E o que poderia fazer para limpeza dos mesmos?

Poderia explanar mais sobre a culpa. Ela tem a sua origem?

Atualmente se fala que a humanidade está passando para a fase de regeneração. Como é possível se o que vemos são pessoas ruins em todos os lugares, e parecem ser a maioria?

Gostaria que podessem explicar sobre não existir o tempo. Por exemplo, como não planejar algo que tem data para acontecer daqui a um ano, por exemplo. Como ficaria isso então?

Vós, os Abraham, hoje sois seres de luz e habitam no Universo como um todo? Mas sois em origem provenientes de um sistema especifico, ou de múltiplos sistemas?

Gostaria que os Abraham falassem um pouco a respeito do canal Mariano (no corpo).

Abraham, o que vocês fariam diáriamente se estivessem encarnados? Como viveriam todos os dias?

Quero saber se os dinossauros realmente existiram no nosso planeta?

Queria que os Abraham me falassem sobre o carma, se ele existe e como funciona.

Gostariam que falassem um pouco das representações das cores. Vejo que a canal está sempre vestida de preto ou vermelho. Embora transmitindo energia positiva, eu tenho um bloqueio quanto a essas cores, devido a crenças passadas que eu não consegui extinguir, pois foi no passado que elas representam energias muito carregadas.

Logicamente, o nosso corpo é uma miniatura do nosso sistem solar, galáxia ou Universo?

Gostaria que falassem sobre Ayahuasca

Há um entendimento que há partes de nosso ser vivendo em outras dimensões, enquanto uma expressão de nós está experiênciando aqui na Terra. De que forma se dá esse processo? De que maneira podemos reunir essa partes?

Escutei muitos videos sobre Kryon do serviço magnético. É comentado sobre a inteligência inata, que quando conseguimos nos conectar com ela através do amor-próprio, somos capazes de nos curar e até rejuvenescer. Primeiro, como despertar o amor-próprio para mim mesmo? Já que num mundo de comparações e julgamentos torna-se tão difícil. E sobre a inteligência inata, gostaria de compreender mais.

Gratidão e perdão. Podem falar um pouco sobre isso?

Qual a mudança natural mais próxima que ocorreu no Brasil?

Por favor, expliquem um pouco sobre a aparente contradição de “buscar o fluxo do bem-estar” e “sair da zona do conforto”.

Qual é a diferença entre responsabilidade e prazer de viver a vida?

O Ho’oponopono serve para qualquer situação? Podemos aplicar para qualquer situação?

O Ho´oponopono pode ser utilizado para remoção e limpeza de implantes extra físicos?

Fiz o Ho’oponopono e tive uma reacção inversa. Gerou ansiedade. Agora só penso em limpar em vez de co-criar o que eu quero. Pode por favor comentar sobre isso?

Como praticar o Ho’oponopono sem tornar o processo em algo mecânico e superficial?

Comecei há pouco a trabalhar o Ho’oponopono para resgatar a amizade de pessoas de que perdi,mas não sei bem o que posso esperar desta prática. Ainda não resgatei nenhum.

Além do Ho’oponopono, como ressignificar o sentimento de rejeição e abandono que geram tantos bloqueios físicos, mentais e emocionais?

Porque temos dificuldade para emagrecer? Que crenças podem haver? O Ho’oponopono ajuda?

Eu estou fazendo uma prática do Ho’oponopono para fazer uma limpeza das energias, e um parente meu tinha um cachorro que era epiléptico, e tinha convulsões de vez em quando. Como isso está dentro da minha habilidade, quer dizer, que a infinidade também existe dentro de mim, comecei a fazer a prática do Ho’oponopono para fazer a limpeza da energia (do cachorro). Poucos dias depois
que eu estava praticando, ele teve algumas convulsões, e na ultima ele já não voltou mais e desencarnou. O facto de eu fazer a limpeza implica sair da minha realidade? Que podemos esperar da mudança? Tem como prever o que vai mudar?

Podemos usar Ho’oponopono para ganhar na lotaria? Como seria?

Gostaria que falassem sobre o que ocorre em nosso campo energético com o Ho’oponopono?

Uso o Ho’oponopono para limpar memórias celulares que eu sei que eu tenho. Agora, como possousar o Ho’oponopono para memórias celulares que não tenho consciências delas?

As pessoas falam tanto em meditação para se conectar ao eu interior, mas toda a vez que faço tenho dor nas costas, pensamentos a mil… enfim, não é agradável. Como me conectar?

O Ho’oponopono ajuda a eliminar os nossos defeitos (como ira, orgulho, luxúria, medo, etc) ou apenas as memórias celulares causadas por esses defeitos?

Sempre que começo a fazer limpezas com o Ho’oponopono tudo fica “ponta-cabeça” e acabo desistindo de continuar a limpeza. Porque isso acontece?

Quando você está usando o Ho’oponopono, você também está limpando o campo do outro?

Por favor, faz um breve comentário novamente acerca do uso universal do Ho’oponopono.

Existe um tempo para que o Ho’oponopono faça o efeito desejado?

Quando nos vemos dentro de uma discussão, podemos simplesmente começar repetindo o mantra e parar de argumentar?

No livro de Ouro do Mestre Saint Germain é comentado sobre o perdão, mas como interpretar já que o livro do novo Ho’oponopono (canalizado pela Luciana) o perdão não é mais adequado?

A matrix é um programa instalado no nosso ser, nosso DNA. É possível nós mesmos ainda encarnados desinstalarmos esse programa definitivamente?

Porque Deus deixo-nos viver escravizado nessa matrix?

Lá na origem do planeta e humanidade, quando a matrix começou a ser formada, se nosso planeta é perfeito, porque e quem começou essa força, com qual objectivo?

Nossa realidade é holográfica? Por isso se justifica viver o presente?

Como lidar com a sensação de que eu sou um personagem dentro da matrix, e que tudo isto que vivemos é uma grande ilusão?

Poderia falar das imagens holográficas desde os primórdios da humanidade?

Gostaria que falassem sobre esse show holográfico com intenção de criar a nova ordem mundial, ou seja uma única religião.

Alguns dias atrás encontrei o autor do livro 320,000 anos onde ele cita toda a manipulação anunaki,dizendo que antes eles utilizavam a religião como forma de manipulação, e que agora estão usando a espiritualidade. Ele diz que todas as canalizações são enganosas porque os canalisadores são sensiveis pois eles utilisam a linguagem do amor (a fraternidade branca, Saint Germain, e todos os mestres ascensos são manipulações). Que Kryon é um ser anunaki, o controlador da malha magnética que isola o planeta. Que não existe terapia ou forma de sair dessa manipulação. Eu sempre confiei muito nas canalizações, mas confesso que ele conseguiu dar uma bagunçada na minha mente. Pois ao mesmo tempo, eu penso que ele também pode ser uma manipulação anunaki,não é? Por favor me dêm uma luz?

O que é “deja vu”?

A experiência da matéria, como a nossa actual, é realmente uma ilusão criada por nossa mente (a matrix), ou é real?

Gostaria de saber se existe realmente a implantação de chips por “aliénigenas” ou seres de outra dimensão? Se sim, como as pessoas podem saber se possuem algum chip, e qual a real finalidade disso?

Acredito que somos energia, mais densa e menos densa. Vocês podem me exclarecer sobre as influências que temos diante da tecnologia (micro-ondas, celular, wifi e muitas outras coisas que também são energias que não vemos, e são bem subtis)?

Gostaria de saber mais sobre as mônadas, e a nossa origem.

Ao entendimento de que houve a queda do espirito, a partir dai surgiu a noção de separação. A divisão do ser em partes, a criação do planeta, e a necessidade do ser em restaurar o que foi esquecido com a queda. Se não for nada disso, qual foi a causa que originou a necessidade do ser em experiênciar a vida na Terra?

Nossa missão é ser feliz, uma pessoa que nasce na Etiópia, por exemplo, onde não há nenhuma perspectiva, consegue essa pessoa cumprir sua missão de ser feliz?

Nós temos total livre arbítrio, ou tem coisas que realmente precisamos passar?

Sei o meu sonho, minha missão, mas a minha vida não flui, parece q é tudo muito emperrado. Não sou vítima da vida, mas tenho dificuldade em enxergar os melhores caminhos. Porquê?

A criatividade limitada está no plano de alma? Porque algumas pessoas nascem com dons tão aflorados (nas artes, por exemplo) e é tão difícil para as outras de alcançar?

Os nosso dons e talentos são sinais e experiências em vidas passadas?

É verdade que a roda cármica já não existe mais? E agora, como vai ser? Vocês poderiam explicar melhor isto?

Qual é a verdadeira expressão “vidas passadas” ou “vidas paralelas”?

A minha vida passada não se entrelaçou com uma vida paralela? Ou seja, as vidas paralelas sempre são em paralelo?

Compreendi que não devemos nos ocupar com as nossas outras partes, mas não ficou claro se somos afectados (ou não) positiva ou negativamente por nossas outras partes?

Não consigo engravidar. Pode ser uma crença, ou faz parte do meu plano de alma?

Como funciona a confecção do nosso plano de alma?

Suicídio está na programação da alma da gente?O

Porque viemos a esse mundo sem memória do plano de alma que fizemos? Porque a grande maoria está insatisfeita com esse plano. Não deveria ser diferente? Será que faz parte o esquecimento?

Venho perdendo coisas materiais, e me sinto frustrada. Se isto está em meu plano de alma, consigo alterar esta realidade?

É licito amenizar o sofrimento de alguém possibilitado de sair da situação por idade avançada,mesmo tendo recebido a informação de que essa pessoa está cumprindo o resgate?

Autismo tem a ver com espiritualidade?

Quando mais nova, por um tempo, me senti mal. Era tratada por psiquiatras e drogas controladas.Num momento quis morrir, e fui internada. Hoje estou bem. Gostaria que me ajudassem a compreender melhor esse processo.

Estar na situação de dividas podem atrapalhar na prosperidade?

Qual a medida de sucesso em uma profissão? Muito estudo e conhecimento, ou nossa confiança interior e bem-estar?

Como se sentir como um bilionário antes de se tornar um?

Como funciona situações competitivas (como concursos, jogos e eleições)? É a questão de quem está mais alinhado com a vitória?

Como pensar como rica se temos dívidas?

Como deve suceder nosso dia, nossas emoções, para que possamos viver a prosperidade nesta era de ouro?

O que vocês têm a dizer sobre a criação de projectos de novas cidades que estão sendo iniciados (comunidades)?

Como equilibrar a vida material e espiritual no despertar espiritual, porque é tão difícil associar as coisas dos dois mundos?? Como conseguir ter vontade de viver a materialidade?

Porque algumas pessoas, que reclamam tanto de escassez financeira, são “pão-duros” e mesmo assim conseguem ser ricos?

É melhor fazer planos ou seguir o ditado “deixo a vida me levar”?

Disse que a iluminação acontece através do desapego. Como evoluir espiritualmente, se eu desejo desfrutar da vida da Terra, podendo ter acesso a bens materiais e confortos?

Gostaria que falassem mais sobre a liberação de prosperidade financeira.

Nós podemos ter sucesso mesmo quando queremos várias coisas? Podemos fazer várias coisas ao mesmo tempo?

Dá uma dica quando a gente quer melhorar os recursos para comprar comida.

Podem falar sobre a lei da economia? Como usar essa lei sem gerar falta e escassez?

Como manter o fluxo do bem-estar em situações de falta de dinheiro?

Sempre que eu vou pescar atraio peixes. Um dia decidi pescar sardinhas e cardume e passou a cair as sardinhas das ondas. Agora quero pescar dinheiro. Me alinhe com as dicas?

As aplicações financeiras para aumento de capital são consideradas como um meio de ganhar prosperidade?

Já fiz curso de EFT (Emotional Freedom Technique), Ho’oponopono, comandos quânticos, etc para descobrir minhas crenças sobre o dinheiro. Porém, esta área da minha vida está travada. O que posso fazer?

Sobre a escassez de água, as nascentes onde moro estão com tão pouca água em relação a alguns anos atrás. Há alguma maneira de esse fluxo voltar ao que era antes?

É necessário educação financeira para termos prosperidade?

Porque eu não consigo abundância financeira, por mais que eu queira viver fazendo o que eu quero (que eu amo)? É tão difícil ser encontrada.

Vi num dos videos que “financiamento não é divida”. E quando se deve um cheque especial e cartão, e a empresa liga-nos cobrando essa divida. Como proceder (além de pagar, é claro)?

Como se policiar para evitar entrar em conflito com os nossos irmãos?

O que fazer quando temos um problema, uma falta de acordo, um desentendimento com alguém? O que fazer para neutralizar e fazer tudo voltar ao normal?

Como nos decepcionamos com alguém que tínhamos como amigo e o perdoamos, seria necessário voltar a ter a amizade que tínhamos antes, apesar de saber que essa pessoa não vai mudar?

Como controlar a impaciência com as pessoas?

Como saber o limite entre teimosia e persistência?

E quando realmente cometemos um deslize com alguém, como consertar o acto sem pedir o perdão?

Quanto podemos prejudicar os outros? E porque sentimos que às vezes incomodamos os outros?

Eu entendo que nos devemos focar no agora. Mas o que fazer quando nos relacionamos muito com coisas relacionadas ao passado? Devemos ignorar os sonhos?

Há 5 anos não tenho nenhum tipo de relacionamento. Por anos menti que isso não me incomodava. Quando vejo o meu passado parece que minha vida será assim para sempre. Como romper esse ciclo?

Como confiar novamente nas pessoas que já te magoaram?

Há 15 anos fui deixada por um namorado que disse na minha cara: “Tu não és correspondida, mas até hoje sinto que vamos ficar juntos (e ele passou por vários relacionamentos que acabaram).” É meu ego de menina mimada que não aceitou, ou é verdade que vamos ficar juntos?

Como resolver a dificuldade de relacionar-se com as outras pessoas? Eu prefiro ficar sozinho, mas não quero isso. Gostaria que vocês me ajudassem nesse sentido.

Terminei um relacionamento e até hoje não me consigo recuperar. Estou confuso, e sinto que quero viver sozinho. Gostaria de saber se esta sensação que tenho sentido é algum tipo de trauma, ou vontade de meu ego?

Gostaria de saber se há um vortex do casal, ou é individual?

Como lidar com a ingratidão (tipo, eu faço algo com boas intenções, e a pessoa nem liga. Me deixa no vácuo)?

Como vencer a timidez e a vergonha de compartilhar com as pessoas as coisas que eu acredito?

Porque acontece de não ter empatia por alguma pessoa. Conheci uma pessoa e todos falam que é gente boa, mas não consigo “engolir” essa pessoa até agora. Mas vejo que quando chego, ela se fecha e me ignora. É como se não conseguisse sentir muita confiança nessa pessoa, e hoje ela foi meio agressiva comigo. A questão é, porque isso acontece de às vezes não “batemos” com a outra pessoa?

Estou gostando de uma pessoa que está-me deixando muito confuso. Não sei se é a paixão que está ofuscando a verdade, ou é carma para eu ter mais segurança, obtendo a resposta somente se eu for dizer a ela o que estou sentindo por ela. Pensei em fazer isto, mas vai que acontece o que eu não estava esperando. O que eu faço, queridos Abraham?

“Jesus afirma que o tango só pode ser dançado a dois (oprimido e opressor)” e se compreendemos os polos de cada um, desvendamos o tango que cada um dança, bastando depois desmontar essa falácia. Como se escolhe não dançar o tango? Como se escolhe a area que tem luz, se o nosso parceiro do tango nem sequer tem consciência que se trata de um tango?

Porque não tenho sorte com relacionamentos amorosos?

Actualmente vivo com meu companheiro, já estamos juntos há 11 anos, e foi meu primeiro namorado. Amo-o verdadeiramente mas ele veio com uma “bagagem” bastante dificil. Um filho autista, e uma menina que agora acabou de assumir a homosexualidade. Acredito que se eu estou junto com ele agora, não é por acaso. Qual o meu papel neste contexto, e como posso ajudar? Como comforta-lo?

Dizem que a traição conjugal é um processo que atraimos. Gostaria de saber como isso acontece na visão espiritual?

Entendi que temos que escutar a alma. Que ela é que tem a resposta para tudo. Mas em relação a relacionamento. Não compreendo, porque mesmo que minha alma ame e queira, que sente-se bem com aquela pessoa, tem tudo a ver com rindo e a pessoa te deixa por outra. E ai acabamos ficando o resto da vida com outro e não com aquela que a alma queria.

Tenho um relacionamento complicado. Tem um lado bom, porém existe algumas coisas de dificil entendimento entre nós. O que posso fazer?

Estou tendo muita dificuldade em transmutar meus desafios de convivência com meu conjuge, que ainda não despertou para a nova consciência, e está apegado aos sentimentos de baixa frequência e pensamentos negativos. Como organizar essa convivência sem que isso signifique uma separação?

Porque não consegui ser feliz no amor ainda? Qual é a formula?

Devemos revidar através da justiça dos homens quando passamos e sofremos por situações desagradáveis, ou o certo seria aguardar e esperar que a vida os ensine?

Monogamia seria realmente o ideal, ou será mais uma imposição social?

Outro dia vocês comentaram sobre a capacidade de renovação de nossas células. Quanto tempo pode durar nossos corpos, e o que fazer para conservá-los jovens e saudáveis?

Para uma cura física (mesmo com os médicos dizendo “Não tem mais jeito.”) com os ensinamentos que já nos foi ensinado por vocês, se a frequência da pessoa for positiva, haverá cura?

Sobre a exposição ao sol ser prejudicial à saúde, o que de fato é verdadeiro? O sol está muito mais forte? Porquê?

Mestre, fale um pouco sobre a glândula pineal, quando ela está activa e sentimos ela no corpo físico, nós estamos sem resistências e em alinhamento?

Quando pedimos e temos a intenção de reactivar as 12 fitas de DNA é um processo lento e contínuo? Na quinta dimensão ele estará totalmente activo?

Como posso saber o que meu corpo está querendo me dizer, por exemplo, uma dor nas costas, uma conjuntivite, indica que tenho algo a limpar?

Por favor gostaria de saber da possibilidade de auto-curarmos e auto-rejuvenescermos através de máquinas cedidas no plano astral pelos seres de luz multi-dimensionais.

Em termos numéricos temos dez vezes mais bactérias do que células no nosso corpo físico. Indo além da ciência humana o que são e qual o papel das bactérias em nossas vidas?

A depressão é uma escolha do individuo? Pode ser considerada uma doença e pode ser curada por ela mesma?

Porque no mundo aumentou tanto o numero de pessoas que sofre com depressão, ansiedade,insónia, e ideias de suicídio? O que fez as pessoas ficarem tão doentes?

É tão importante para o nosso espírito/alma fazer exercícios? Nossos ancestrais não faziam musculação/academia e hoje parece obrigação. É tão importante para a nossa vida?

Se o problema de uma pessoa é neurológico, é possível sair desse estado sem o uso de medicamento tradicional?

Como poderei me autocurar acreditando que tudo é energia, e a energia também é doença?

Qual a crença que está por detrás do emagrecer muito? Porque não consigo manter um peso que me agrada?

As vacinas são prejudiciais, isso é verdade? Poderiam falar sobre esse assunto?

Poderia falar sobre a cirurgia espiritual? Como acontece ficar as cicatrizes da mesma no corpo biológico?

Tenho mais de 50 anos, e desde a infância tenho dores musculares diariamente. Já busquei diversos tipos de tratamentos, sem sucesso. Não quero mais essas dores na minha vida. Como alcançar a cura?

Tenho sentido coceiras na pele com um leve toque. Não há nenhuma marca, sinal visível, apenas essa sensação que algo se move. Será que tem algo a ver com a mudança do DNA? Será que faz parte da transição dimensional?

Tenho sentido coceiras na pele com um leve toque. Não há nenhuma marca, sinal visível, apenas essa sensação que algo se move. Será que tem a ver com a mudança do DNA? Será que faz parte da transição dimensional?

Gostaria de saber sobre doação de órgãos. Recebem também a energia (em questões de transfusões de sangue)?

Quando estamos doentes (ou em baixa frequência, como com depressão), também ancoramos e emanamos luz?

O transtorno bipolar é uma experiência de expiação cármica?

Foi dito uma vez que não é bom falar dos problemas, mas e quando é uma terapia? Na terapia são muitas vezes abordados problemas. Então ir a um psicólogo não ajudaria?

A calcificação da glândula pineal decorrente da alimentação, ocorre inevitavelmente ou depende da grade de crenças?

Porque as crianças ficam doentes?

Como eu consigo materializar a cura no meu corpo físico?

É possível reverter de forma integral danos our lesões ocasionados em nosso corpo fisico? Se positivo, é possivel ensinar-nos algum exercicio?

Podemos curar sozinhos, ou precisamos ajudas de centros espiritas (ou de outras pessoas que canalizam, ou contactos conscientes com seres de luz)?

Qual o padrão de pensamento que devemos mudar para tratamento de diabetes?

Como acontece a ligação da alma ao embrião que está no útero da mãe? Por favor, falem um pouco sobre o aspecto energético da gravidez.

Como melhorar a visão física. Sei que no nivel espiritual é algo que não quero enxergar. Mas como perceber o que é?

O que existe realmente por detrás da depressão? Essa doença, se poder se chamar assim, que leva a pessoa a sentir uma dor emocional tão profunda, que é pior que uma dor no corpo físico.

O que dizer sobre a tão falada “cura reconectiva”?

Gostaria de saber se verdadeiramente é perigoso para quem já desenvolveu cancer iniciar Reiki, ou outro tipo de terapia em pessoas ainda doentes? E como administrar no meio da recidiva?

Estou grávida há dois meses. Como funciona a questão do espirito na gravidez?

Se a menopausa é um processo natural, porque a falta de hormonas leva à hipertensão e osteoporose? Isto seria uma criação nossa? Como resolver? A menstruação também é um processo natural?

Como sair da depressão? Estou sentindo ataques de pânico, e não quero tomar remédios. Mas sei que isso é devido a todos os problemas que estou passando. Como sair disso?

Uma grande quantidade de pessoas sofreram rompimento de neurismo cerebral sobreviveram (eu incluida), hoje possuem uma pequena quantidade de titanium no centro do cerebro. Exactamente entre a glandula pineal e a area da testa, onde se situa o terceiro olho. Minha pergunta é, se a presença desse titanium interfere de alguma forma o funcionamento da glandula pineal, e se há alguma relação com os implantes limitadores?

Tenho síndrome do pânico há 16 anos e não consigo curar. Acho que tem a ver com a minha mediunidade. Como saber lidar com isso? Já tentei de tudo.

Como posso me ajustar ao Universo para ser libertado de vícios? Tenho feito de tudo para parar de fumar, e isso me frustra, e me impossibilita de ajudar os outros.

Gostaria de saber sobre a importância do sono. Temos que dormir 8 horas por dia, acordar às 5 horas da manhã, o que é realmente necessário?

Quanto tempo podemos viver neste corpo físico? A imortalidade do corpo existe? Existe outros mundos físicos em que os seres habitantes não morrem?

Porque certas pessoas, que não têm a mesma vibração, insistem em continuar em nossas frequências (mesmo nós buscando viver e vivendo novas experiencias que combinam mais connosco)?

Porque pessoas que têm crenças e pensamentos tão diferentes estão juntas (se tudo é frequência)?

Porque os grandes avatares passaram por coisas horríveis, se a vibração deles (que é a mais alta possível) não condiz com os acontecimentos dessa natureza?

Sempre que assisto ao programa, ou vou aos seminários, me sinto tão alinhada com minhas cocriações. Sinto uma energia incrível(!), mas depois perco esse alinhamento. O que fazer?

Sabemos que não é para colocar foco no que não queremos. Mas como fazer isso se os pensamentos vêem como uma onda de ansiedade?

Como lidar com a grosseria e as mentiras que vêm de uma pessoa de convívio? Se eu espelho essas situações, como devo agir então para que não haja tantas brigas?

Como tomar decisões alinhadas com o nosso eu superior?

Quanto mais trabalhamos com a luz e com a mensagem do amor incondicional, mais seres densos dão o seu melhor para nos atrapalhar?

Qual o caminho de menor resistência para acessar a minha melhor versão (falando da versão falada no inicio do sessão)? É possível estar em altas frequências o tempo todo?

Meu companheiro não está na mesma vibração e busca que estou eu. Às vezes tenho a sensação de que ele acaba baixando a minha vibração. Isso acontece mesmo ou não?

Como proteger meu corpo espiritual, sabendo que meus amigos sugam minha energia e mesmo assim eu escolho estar ao lado deles, isso é benéfico?

É verdade sobre a teoria da “pilha” que quando estamos com a frequência elevada acabamos por “abastecer” energeticamente as pessoas de frequência baixas (sendo necessária a protecção)?

Às vezes penso estar remando contra a maré, apesar de ser sempre optimista. Há possibilidade de interferências espirituais contrária em nossa existência? Se sim, como agir diante disto?

Porque há momentos na nossa jornada que parece que estamos regredindo: questões que já trabalhamos voltam à tona? Não saímos da frequência totalmente?

Como tirar a frequência de escassez de vez de nossas vidas?

Chico Xavier transmitiu muito amor, e mesmo assim viveu na pobreza. Porque isso aconteceu?

Quando tenho conversas com as pessoas, elas não entendem, e eu não entendo o que me perguntam. Isto tem vindo a piorar. Que se passa comigo? Estou com algum problema mental?

Se cada um tem a sua verdade, como permanecer num dialogo sem gerar brigas (quando elas expõem suas verdades)?

O que fazer no dias que não estou a fim de fazer nada, nem falar com ninguém, e mesmo assim preciso ir trabalhar e ir para a faculdade?

Já li, e também ouvi dizer que, a palavra obrigado tem uma frequência maior que a palavra gratidão. Isso é verdade?

Me consultei com uma entidade, e esta entidade disse que me ajudaria a abrir meus caminhos e que faria um trabalho para que eu ganhe prosperidade. Nesse trabalho teria de matar galinha, etc. Não estarei prejudicando ninguém, e as galinhas depois serão doadas para alimentar alguém menos afortunado. O que vocês me poderiam dizer sobre isso?

Ás vezes temos algo que nos incomoda internamente, e quando compartilhamos com alguém parece que dá uma sensação de alivio. Isso é ruim para ambos?

Às vezes sabemos como e onde devemos chegar. Existem motivos suficientes que deveriam nos motivar, mas não temos força para girar a engrenagem. Como podemos usar essa motivação?

Como aumentar a frequência da alegria e do amor?

Como diferenciar quando não está na nossa frequência fazer determinada actividade quando está na zona de conforto?

Foi dito que há partes de nós que estão em diferentes frequências. Como alinhar-las e acessá-las?

É verdade que musicas Heavy Metal baixam a frequência? Podem expandir a resposta para outras musicas também.

Gostaria de ter mais controle sobre meus pensamentos. Sinto que espiritos interferem muito, e às vezes directamente.

Desde a primeira vez que ouvi suas mensagens tive a sensação de que o que eu estava ouvindo eraverdadeiro. Vinha de seres com conhecimentos superior. Muitas vezes me emociono. E continua sendo assim. Mas às vezes leio na internet algumas mensagens ditas canalizadas, ditas até que vêm de grandes mestres, mas que me fazem sentir exactamente o contrário. Que são falsas. Me causam sensação ruim, pois não percebo a luz de uma verdade maior nelas. O que podemos fazer para nos proteger de falsas mensagens?

Existe alguma forma de alterarmos a consequência de um pensamento enviado em um momento de raiva e erroneamente? Assim dizendo, que houve o arrependimento?

Quando mudamos a nossa vibração, após um momento de raiva, essa vibração que foi enviada ainda volta para nós, ou já foi mudada pela nova vibração de alegria? O que fazer?

Nós podemos criar e transformar a nossa realidade de várias formas, uma delas é pela palavra.Gostaria que falasse sobre isso. De que forma a vibração das palavras que dizemos influencia o ambiente onde são ditas. Existem limites de espaço de tempo para a palavra? Faz a diferença o tom do volume ou a forma como são ditas? É diferente se forem prononciadas ou escritas? Faz diferença que sejam pronunciadas por nossas cordas vocais, ou simplesmente ditas interiormente sem vocalisação? Diz na biblia que no inicio “Deus criou tudo através da palavra”. Falem sobre isso? Existe alguns codigos especiais que ao serem aplicados influenciam a realidade de forma diferente
que as palavras vulgares?

Os meus mestres são Jesus/Sananda (não Jesus crucificado) e Mãe Maria. Mas também amo todas as outras experiências, tais como meditação que fui buscar ao Budismo, também assisto de vez em quando a sessões Allan Kardec. Tem um grupo que trabalha com energias para o bem de todos os seres do Cosmos. Essas experiências todas diferentes irão perturbar o meu equilibrio emocional (uma vez que são frequencias diferentes)?

Aqueles que já despertaram nesta vida precisarão voltar a reencarnar aqui em Gaia?

Sinto que quanto mais sintonizada com o caminho da luz e evolução, menos libido eu sinto.Poderiam falar sobre isso?

Todas as pessoas do planeta estão sentindo os sintomas da ascensão, ou só quem está desperto?

Pode falar sobre o poder do agora?

Como distinguir se os sintomas ou desconfortos físicos são um processo natural da ascensão, ou são provocados por uma energia densa que precisa ser limpa?

Gostaria de saber sobre as energias que estão chegando na Terra. Eu acordo muito à noite, e o que devemos fazer para absorver toda essa energia?

Como a energia do eclipse influencia nas nossas vidas? Qual a importância desse eclipse de hoje, nas energias da Terra, e nas nossas energias?

Poderiam falar um pouco do trabalho realizado pelo grupo do Ashtar Sheran?

Como saber se estou pronto para a ascensão, e se sou digno dela?

Tenho ouvido que os sementes estelares começarão a se lembrar do seu objectivo, e iniciar o acesso a novas ferramentas multi-dimensionais. Poderiam falar sobre isso?

Com esses recuos do mar acontecendo em vários lugares, alguma coisa está para vir?

Nós fomos manipulados geneticamente? Se sim, como reverter?

As pessoas que desejam acordar serão acordadas ainda aqui na Terra?

Tive grandes transformações espirituais de Março de 2015 para cá. Tive contacto com vários seresespirituais. Ouvi uma voz masculina muito firme mas suave, que me falava pausadamente. Mas quase sempre eu não lembrava muita coisa que ele me dizia, pois eu estava num estado de transe e meditação. A última vez que eu o ouvi, a última coisa que ele falou, que ouvi que quase por intuição,foi que ele era de Sirius. Eu procuro não criar espectativa, mas confeço que sinto falta. Às vezes me pergunto se eu tinha alguma missão com este ser. Como com alguns outros, e talvez por algum comportamento meu, ou algo que deixei de fazer, possa ter os afastados. Se puder me ajudar nessa dúvida ficarei muito grato.

Faz menos de dois meses que comecei a acompanhar tudo sobre vocês, e voltei a buscar por uma nova vida. Faço meditações diárias desde então, as que vocês ensinaram, e muitas outras também.

Meus foguetes e desejos estão lançados, e queria saber se a minha escritura vibracional está correcta, se vocês a vêm. Às vezes, me preocupo com o meu subconsciente e a resistência que não consigo perceber. Descobri também há poucos dias, através de um canal, que faço parte da Federação, minha equipa é dos Diplomatas Confederados. Minha missão aqui na Terra acreditao que seja ancorar a paz e luz. Estou certo?

Tenho lido bastante que nesse nosso despertar, os carmas serão transmutados. O que é a transmutação dos carmas?

Faz sentido as camadas de dores de corpo, tristeza, conflitos nas relações, etc, que me dizem que ainda não estou no caminho (o que não é meramente compartilhar da onda de energia que banha o planeta)?

Quero e preciso encontrar meu caminho espiritual. Qual é o meu dom, e como posso usá-lo para o meu bem maior?

Vocês podem dar dicas práticas de como nos mantermos no agora?

De uns 2 anos para cá, tive um crescimento espiritual e percepções entre outras coisas, que a cada dia que passa crescem mais. Tenho que ter medo onde isso pode parar?

No meu novo caminho professional quero levar sabedoria e iluminar a escuridão na vida das pessoas. Como vou largar tudo para isso? Preciso cobrar já que a minha vida continua. Como cobrar com tranquilidade?

Minha pergunta é sobre o despertar. Não só da humanidade, como também da própria pessoa.Pergunto, como a pessoa sente que ela está despertando?

A busca da evolução e da espiritualidade é uma constante na minha vida, há muito tempo. Tenho percebido várias mudanças maravilhosas em mim. Me chamava a atenção o facto de que é como se o conhecimento e a responsabilidade me tiraram aquela alegria meio inconsequente. Agora cada passo, cada escolha, cada palavra vêm carregados de reflecções. Como manter a alegria sentindo esta imensa responsabilidade no despertar?

Tenho tido muita necessidade de estar sozinho. Fico o tempo todo desejando estar em casa meditando, lendo e assistido coisas edificantes. Mas essa necessidade de estar “quieta” tem-me tirado um pouco do caminho normal da vida. Às vezes, como tenho meu próprio negócio, tudo é pretexto para ficar em casa. O que está acontecendo comigo? Isso é normal?

Há anos que vejo uma luz que acende e apaga como se fosse uma estrela, e também sinto muita energia que sai das minhas mãos, que ás vezes chega até queimar. Quando coloco as minhas mãos voltadas para o céu sinto toda a energia que vem do Universo. Gostaria de saber se a Luz são seres de luz que estão perto, e também eu quero usar essa energia de minhas mãos para canalizar em pessoas. Como posso usá-las?

Já ouvi muita gente espirita e espiritualista renomados dizerem que sofremos mais influências dos espíritos para bem ou mal do que podemos imaginar. Pergunto, isso realmente é certo? O que se fundamentam para afirmar isso?

Sei que estou rasgando o véu, mas ainda tenho receio de ver, ouvir e sentir os seres de luz. Muitas vezes, quando tenho evidência de suas existências, acabo achando que pode ser coisa da minha imaginação. Gostaria de uma orientação para conseguir me desprender desse medo.

Sinto uma pressão interna muito grande, que tenho que fazer algo para ajudar o mundo a evoluir,mas não sei o que é, e nem como fazer.

Gostaria de saber o que posso fazer de efectivo para mudar minha vida totalmente? Sei que a limpeza dos chakras, e utilizar informações do mapa astral, são muito importantes. Mas, o que fazer quando se está desempregada há um ano, e o mapa astral tem de ser pago.

Me sinto muitas vezes muito angustiada, apesar de buscar estar com pensamento positivo. Fazer orações, enfim, de buscar o equilibrio. Diversas áreas da minha vida estão estagnadas, ou pelo menos sinto isso. Gostaria de um conselho.

“Todo o dia é um bom dia.” Amo essa frase, mas sei que não a vivêncio. Sinto uma enorme energia nela, mas não sei como conecta-la (risos). Gostaria de saber como conquistar meu lugar ao Sol.Estou cansada de fazer escolhas que não funcionam em todos os aspectos da minha vida. Quero acordar e sentir e prononciar de verdade dentro de mim “Bom dia. Hoje é um bom dia, e todo o dia é um bom dia.” Me ensina.

Como saber se os diálogos que observamos (eu ou os meus pensamentos) são seres de luz (ela quer dizer as canalizações)?

Sentir e ficar no bem-estar seria a solução para todos os problemas (inclusivé exterminar de vez uma crença ou dor)? Simples assim? Sem precisar de saber o porquê?

Alguns de nós estamos frequentemente em ambientes em que as pessoas têm um conhecimento e interacção com o mundo que nós ainda não temos, e nos sentimos sozinhos ali. Assim, nos vemos diante de limitações geográficas, socio-economicas, de linguagem, que não favourecem nossa experiência e conhecimento. Se queremos estar nesses ambientes, admiramos aquelas pessoas e queremos nos institucionalizar oficialmente ali. Embora nossa comunicação tenha lacunas, como lidar com a nossa baixa auto-estima, e o que fazer quando sofremos por nós mesmos nos exigirmos muito quanto a isso?

Venho pensando bastante nos meus desejos de maior vibração sem interrupção de crenças limitantes ou negativas pela maior parte do tempo. É normal que eu sinta uma exaustão após ficar várias horas vibrando positivamente pelos meus desejos de mais alta frequência? Será mesmo que se eu estivesse vibrando felicidade o meu coração começaria a exaustar depois de algumas horas num estado bastante positivo? Será mesmo que eu estava sentindo a felicidade, ou era algo parecido com felicidade?

Como podemos harmonizar o positivo e negativo que há em nós?

Se não existe o bem e o mal e tudo são experiências, qual a diferença entre energias de baixa frequência e energias subtis?

No caso de um estupro, um sente prazer e o outro sente dor, existe uma relação de opressão nitida. Como dizer que não existe certo e errado?

Não existe certo ou errado, também não existe então a ética?

Porque parece ser mais fácil (ou de preferência das pessoas) ver as coisas pelo lado negativo, ao invés do lado positivo?

Como observar e não julgar como certo ou errado alguma situação?

Nos programas tenho visto que não existe certo ou errado no Universo. Gostaria de entender melhor sobre a “ética, dignidade e honestidade”. Essa é questão que sempre se repete em minha vida, nas pessoas que mais confio (sempre financeiramente).

Gostaria de saber o que devemos fazer quando presenciamos experiências onde as pessoas estão ainda utilizando as velhas energias, e prejudicando de alguma forma as demais. Devemos nos impor e defender o bem-estar de todos, ou seguir nossa verdade?

Sou professor de história e geografia. Hoje temos clareza ao saber que muito do que dizem nos nossos livros de história é falso. Ao mesmo tempo compreendo que ainda não conhecemos consciêntemente plenamente nossa verdadeira história, o que me traz dúvidas e angústias enquanto professor. Também sei que não é à toa que estou nessa posição e tento ao máximo fluir com o coração quanto aos conteudos trabalhados na sala de aula. O que muitas vezes é desafiador.Agradeço a receber uma luz nesse sentido.

Sou professor de física no ensino médico, e tenho estudado muito sobre (nomes de autores) e acompanhado as canalizações do Kryon que fortalecem demais o último assunto que me dediquei ao meu homeostase quântica internacional do Sérgio Secado. Trabalha com os códicos quânticos, mas são diferentes dos números do Grabovoi. Sinto que poderia integrar uma série desses assuntos para oferecer um serviço diferênciado. Uma maneira de assimilar a informação que saia do tradicional com relação aos assuntos da física, por exemplo. Gostaria de saber se ao misturar os assuntos e tentar trabalhar com isso, se é uma apropriação indevida deste conhecimento, uma vez que não
tenho uma formação formal com esses professionais.

Na cidade onde eu moro, há costume de controlar os animais de rua caçando cães e gatos. Tenho dúvidas sobre esse procedimento. Já abrigo três gatos de rua, e tenho mais quatro gatos adultos e 7 filhotes recem-nascidos. Estou com problema de manter tantos animais. Posso castrar-los ou isso é contra a natureza?

>

Qual a responsabilidade de vida que temos em relação aos nossos filhos (tipo como lidar com as magoas deles pelo que não fizemos por eles)? E quanto ao aborto?

Eu sinto que a minha família tem uma questão com a raiva. Não sei onde ou como isso começou..acredito que seja num ancestral. Como fazer a limpeza de algo que não sei direito o que é?

Como curar uma depressão devido ao convívio com familiares que seguem muitas regras sociais?

Sobre a questão de sentimentos adoptados, realmente acontece os filhos tomarem para si a dor do pai ou da mãe ou outro familiar, por exemplo? Seria uma espécie de carma?

Como superar os meus sentimentos de rejeição, que acho que veio da infância (e eu também tenho acesso de explosão – quando vejo já falei e gritei e emiti energia baixa)?

Meus pais não aceitam o meu relacionamento à anos, e isso me dói. Estamos sem nos falar agora. Estou empancando minha vida esperando aprovação. Como mudar isso?

No passado, passei por situações horríveis onde tive de me afastar da minha família. Como lidar com isto no presente se ainda dói o sentimento de rejeição no presente?

Qual a função da família em nossas vidas? Porque nos parecemos fisicamente?

Como conviver em família quando um dos cônjuges tem convicções católicas? Como ajudá-las a conhecer a verdade? E a criação dos filhos como fica quando um dos cônjuges é católico e não busca a verdade?

Nós somos responsáveis porque somos adultos, mas e as crianças…?

O que fazer quando não se ama a família, e a convivência com a mesma é muito difícil?

É verdade que escolhemos a família onde passaremos nossas vidas?

Tenho um filho que já é pai, e é usuário de drogas. Ele sai só uns dias, depois volta e fica mais tranquilo, dormindo, se alimentando, e o trabalho onde ele concursava no momento, não está indo mais. Eu consegui uma vaga numa cidade próxima daqui para ficar internado para desintoxicação, e então dando continuidade com tratamento, e acabava com este vicio que ninguém mais da família suporta isso.

Como posso transformar uma situação em que uma pessoa do lar está na birra (afectando tudo o resto da casa negativamente sendo cruel a nivel emocional com todos)?

Como resolver sentir-se responsável pelos cuidados do bem-estar de minha mãe (Se isso sacrifica minha vida, deixo de viver para a outra pessoa. Não vejo como resolver)?

Como diferenciar a voz da intuição (i.e. mentores) e a voz da razão?

Existe algumas maneiras de treinarmos efectivamente nossa intuição?

Como saber se a decisão que tomamos é a certa? Mudei minha vida (emprego, etc) durante o processo de despertar, mas minha mãe e suas crenças discordam.

Como acreditar sem sombras de duvidas (em nossa intuição) quando nós sentimos seres de luz e suas mensagens, mas não vemos nem ouvimos nada?

As pessoas me procuram para dar conselhos (amigos, familiares, etc) e nos últimos 5 anos estou mais por dentro do mundo espiritual. Na realidade, tudo o que envolve espírito. Sempre dei conselhos óptimos, e não sei de aonde saem. Tanto conhecimento. Quero saber se canalizo mensagens sem perceber.

Como perceber as intuições que recebemos de nossos guias e anjos?

Explique como funciona o fenómeno da telepatia, e qual a melhor forma como desenvolvermos esta forma de comunicação?

Como diferenciar a intuição– como saber se é a intuição, e não a mente falando?

Cada vez mais frequentemente venho vendo imagens na minha cabeça que me dão uma sensação boa de sonhos ou lembranças gostosas. Então gostaria de saber o que elas são, e se posso usá-las de alguma forma que ajude a minha vida aqui na Terra. Como unir positivamente e equilibradamente essa realidade linda que me aparece em forma de imagens à minha realidade, e a fazer o quotidiano?

Já acreditei ser “fria”. Hoje não mais. Em meus sentimentos e entendimentos diante das catástrofes colectivas ou individuais. Peço que lancem esclarecimento a que ressoe nessa energia

Como nos relacionar melhor com as nossas emoções para melhor sermos guiados por elas?

Quando sentimos um sonho já realizado, pode acontecer algo para que ele não se concretize?

Porque temos tanta dificuldade em sermos confiantes e sentir o sentimento do desejo realizado?

É aconselhável eu falarmos de nossos planos e objectivos para as pessoas, mesmo as próximas? A energia delas pode atrapalhar a manifestação?

Mesmo que eu me esforce, não consigo materializar alguns desejos. Isso pode ser um plano de alma com algumas restrições materiais?

Sempre desejei um emprego numa empresa. Agora parecia esse desejo se tornar realidade, surgiu uma vaga. Passei pelas fases, mas não consegui. O que aconteceu?

Dormir ouvindo afirmações positivas ajuda a manifestar esses pedidos, tendo em conta que o nosso sono é o subconsciente que actua?

O desejo e a acção caminham juntos? Como permitir seguir o Universo, se precisamos tomar ação para alimentar o vortex?

Porque sempre vejo o que desejo acontecer com as outras pessoas e comigo não?

Como os evangélicos, em especial, conseguem criar as coisas que querem através da fé que depositam em “Nosso Senhor Jesus Cristo” se eles acreditam ser “Nosso Único Salvador”?

Porque é que mesmo usando todas as chaves e conhecimento, não consigo ter meus projecto concretizados?

Imaginando um problema já resolvido, mesmo não sabendo como, ajuda?

Poderia falar sobre materializar facilmente e rapidamente?

Nos dizem que podemos criar tudo o que desejamos. Já outros dizem que nem tudo está em ressonância com nossa essência (apesar do desejo). Qual a teoria é verdadeira?

Se eu sinto que eu vou materializar uma situação desagradável, seguindo minha intuição eu consigo evitar. O vortex é desfeito ou adiado para outro momento em que houver ressonância?

As manifestações têm a influência dos mentores que nos acompanham, ou só depende de como nós as criamos exclusivamente?

É possível atrair o que se deseja ao mesmo tempo que se trabalha a cura de transtornos com a “raiva”? (Fico quase o tempo todo com “raiva”)

Eu gostaria de saber sobre colocar datas na materialização de nossos desejos. Muitos profissionais dizem isto. Fazer do sonho uma meta. Isso ajuda na rapidez de nossos desejos?

Tenho um sonho, e sei que vai acontecer. A demora para chegar é uma crença que impede, ou tudo tem o seu tempo para acontecer?

Ainda sobre manifestação de nossos desejos, como deve ficar a nossa acção para alcançar?

Eu tenho estudado, pesquisado, me dedicado bastante há uns 4 meses. Sei que é pouco, mas não tive nenhuma experiência diferente até agora. Será que estou fazendo algo errado? Ou apenas tenho que ter paciência?

Mesmo cultivando meu interior com coisas boas, confesso que o sentimento de receio diante de algo que quero tentar me toma. Não posso negar que quando vejo uma prova qual irei prestar tem uma ou duas vagas para tantas pessoas me bate o desanimo, e me sinto mal por tantas coisas as
quais a prova exige para tão poucas vagas. Como faço para ter a certeza que posso conseguir algo, mesmo sendo tão difícil?

Como saber se meus desejos estão próximos da realização?

O que eu devo fazer quando sinto que minha oportunidade está chegando? Já senti essa energia umas vezes mas não consegui o tal objectivo.

Queria saber como lidar com as decepções? Quando a gente busca muito um resultado, e chega na hora e ele não vem.

Podem explicar sobre o congelamento do vortex? Como soltar o sonho?

Como fazer uma visualização perfeita? Quais os passos necessários para que ela realmente seja efetiva?

Como faço para materializar uma quantia de dinheiro rápido? Algum mantra como sugestão?

Porque é que tudo em minha vida é muito lento para acontecer? Quando parece que vai acontecer algo, faz atrasar.

Eu tenho todas as respostas. Sei o que fazer para prosperar em todas as áreas, mas porque é tão difícil realizar?

Como fazer nestes tempos de vacas magras? Estou há três anos sem conseguir trabalho. O que fazer?

Vocês falam sempre muito de criar. Então me lembrei de quando eu era criança, e falando comigo mesmo disse que ia fazer tal coisa no futuro, com toda a confiança de que ia conseguir. Então,depois do último domingo, tive a ideia de resgatar essa criação pois imaginei fortemente como seria.Gostaria de saber como anexar esse velho sonho que deixei esquecido?

Quanto ao foco, escuta-se muito sobre o efeito “zenão” na mecânica quântica. Que tudo o que você coloca tensão, paralisa. Mas o foco não é justamente você não ter a atenção em alguma coisa?

Sempre assisto o programa na reprise, às vezes várias vezes, e vocês sempre falam em alimentar o vortex. Mas não desejar demais, para não afastar o desejo. A pergunta é: “Como sei que o meu desejo estou alimentado o vortex, e não afastando (por querer demais)?”

Quando estamos pensando no que queremos ter no futuro, estamos perdendo os momento do presente do agora. Minha duvida é, o que é mais importante: projectar nossos pensamentos para o que desejamos ter, ou buscar estarmos presentes conectados com a fonte?

Como trabalhar a expectativa sobre os desejos sem colocar a ansiedade?

Vou conseguir organizar minha vida nesse plano ainda?

Quando estamos sentindo um desconforto, é porque provavelmente o Universo está manifestando o nosso desejo. Ou seja, devemos permitir a manifestação. Minha pergunta, como posso saber se esse desconforto é porque está sendo criado o meu desejo, ou se o desconforto está me mostrando um caminho errado? No meu caso, acho que sentir desconforto seria estar sempre no caminho errado, então resistindo. Estou confusa.

Quando estou concentrado e de olhos fechados veja imagens de lugares e pessoas na minha mente. Gostaria de saber que ferramenta é essa, e como posso trabalhá-la?

Podem falar sobre o que ocorre na meditação? Porque eu estava chateada, meditei, e fiquei bem imediatamente. Gostaria muito de saber sobre a meditação. O que ocorre de facto nesse momento/ato.

Os eventos astrológicos e alguns horários específicos influenciam a amplificação dessa meditação colectiva (falada na introdução da sessão)?

Foi-nos dito que podemos acessar todas as respostas, pois elas já estão em nós. Como fazer isso? Somente através da meditação?

A repetição de afirmações realmente altera nosso subconsciente (em relação às crenças) e muda nossa vida mesmo?

Gostaria de saber sobre a vidência? Sobre como lidar com pessoas que visualizam coisas a nosso respeito (para o bem ou para o mal)?

Eu não sei se realmente medito. Mas muitas das vezes que faço isso, eu sinto um salto como se eu tivesse saindo ou voltando. Como devo proceder? É tudo muito consciente.

Todos nós recebemos sinais, intuições, mensagens implícitas por parte do invisível e para nossa ajuda. Porque motivo essa comunicação ainda não é mais explicita?

Nesta quinta-feira resolvi ficar em silêncio. E quando eu consegui, percebi que o silêncio serve para uma pausa também de nossas crenças. E dai, que eu parei tudo e percebi “Pera aí, o que eu acredito?” Percebi que eu não estava vivendo a minha verdade interna, e gostaria que falassem mais sobre isso.

Minha pergunta é sobre a protecção de nossos corpos físicos, mental e espiritial anti-energias escuras, pois as mensagens que chegam dos Abraham, e outros seres que estão nos ajundando Minha pergunta é sobre a protecção de nossos corpos físicos, mental e espiritial anti-energias escuras, pois as mensagens que chegam dos Abraham, e outros seres que estão nos ajundando nesta transição, é que basta mantermos nossa vibração elevada. Minha dúvida é se isso vale também para quando vamos meditar, ou realizar algum outro tipo de trabalhos espiritual.nesta transição, é que basta mantermos nossa vibração elevada. Minha dúvida é se isso vale também para quando vamos meditar, ou realizar algum outro tipo de trabalhos espiritual.

A minha pergunta é que não consigo meditar, sem estar em contacto comigo mesma, não conseguirei sentir a presença desses seres, e sempre me sinto frustrada quando penso nisso.Podem-me ajudar a compreender?

O que vai acontecer no evento, e após o evento?

Em relação ao Evento ou Reset Financeiro, fiquei chocado com o nível de atenção que temos que ter diante desse acontecimento. Como se preparar? O que fazer de verdade?

O despertar é um processo, mas quando podemos dizer que já estamos despertos?

O tempo está mudando deixando ser linear para ser em espiral. Vocês podem explicar melhor isso? Qual será a repercussão disso em nossas vidas?

Porque a comunicação entre a nossa dimensão e as dimensões astrais ainda, de certa forma, é censurada? O que são dimensões?

Somos seres prontos e estamos despertando para a nossa consciência divina. Porque já não fomos criados despertos?

Esta semana me senti muito pesada, senti vontade até de tirar a própria vida, algo que já me ocorreu outras vezes, tudo isso faz parte da entrada das novas energias no planeta?

Estou trabalhando com uma multinivel (Bitcoin), e eu nunca trabalhei com isso. Esta moeda veio para ajudar o reset financeiro, e o criador desta moeda é um mistério. Podem-me falar sobre ele?

Gostaria que os Abraham nos esclarecessem mais sobre nossos criadores – os Pleiadianos – e qual seria a sua intenção ao colonizar novos planetas.

Gostaria que os Abraham exclarecessem sobre a divulgação do evento, que muito tem se falado nestes últimos tempos.

Gostaria de saber se a época em qual vivemos é a transição do mundo de provas e expiações para o mundo de regeneração, e como poderiamos ajudar o planeta?

Gostaria de saber se as informações do codex são verdadeiras?

Como fazer para livrar-me de um pensamento repetitivo de raiva que está me causando tanto mau?

Nós criamos os pensamentos ou recebemos?

A voz mental geralmente anda contra o que queremos. Como fazer ela ir a favor? Porque às vezes temos atitudes que na realidade não queríamos. Isso é a sombra?

Como nos livrarmos de pensamentos negativos (especialmente sobre possíveis catástrofes mundiais,terramotos, tsunamis, etc, entre outros)?

Como sair do passado do pensamento e estar no aqui e agora?

Que ferramenta uso para limpar meus pensamentos e sentimentos de julgar e criticar outras pessoas?

Há momentos que tenho pensamentos repetitivos, e muitas vezes me leva à exaustão, pensamentos de situações, hipóteses e conversas. Porque isso acontece? Como mudar?

Quando penso em sentimentos e emoções percebo que ainda não sei quem nasceu primeiro. O ovo ou a galinha? Afinal, as emoções surgem do pensamento ou é o contrário?

Procuro manter pensamentos bons e sentimentos agradáveis, porém sinto que isso cria ilusões e acabo ficando desapontado se não acontece. Como resolver isso?

Quando temos pensamentos e sentimentos negativos (como uma pessoa que insulta no transito, por exemplo), podemos usar a palavra “cancelar” para cancelar esse pensamento ou sentimento negativo?

Estudando a lei da atracção, me deparei com o “tempo de combustão” de pensamentos. Poderiam nos explicar melhor sobre os 17 segundos e os 68 segundos? Devemos dar data para as nossas cocriações?

Enquanto do nosso tempo no dia devemos estar no agora, mas e quanto às projecções dos nossos desejos?

Aqueles pensamentos negativos que vêm à nossa mente, que são contrários ao que a gente quer,parece que são colocados em nós. E parece que alguém está colocando em nós. O que é isso?

Compaixão (sentir dó de pesar, nos despertar à desgraça, à dor de outrem) não seria um sentimento de baixa frequência benevolência (afecto)? Poderia substitui-lo?

Gostaria de saber como saber descernir a necessidade do desapego. A necessidade de confiar.Acreditar e insistir. Há um tempo, experiêncio uma situação e sentimento que persiste, e estou tendo dificuldade em entender, se é o medo e a insegurança que podem estar impedindo que flua meus desejos e sentimentos querem que aconteçam. Ou se realmente foi algo que passou, que eu investi muita energia em algo que simplesmente não era para ser. Se foi esse o caso, como devo lidar com esse sentimento/pensamento que insiste em permanecer em mim?